Wednesday, February 16, 2005

Nessa terra de gigantes... - reprise

Incrível como a vida de todos é igualmente banal.

Todo mundo vai pra praia nas férias.
Todo mundo, no fundo, gosta de ficar no carro ouvindo música enquanto pega a estrada. E todo mundo planeja sair cedinho pra não pegar trânsito e nunca consegue, porque a culpa é sempre do irmão mais novo que acaba atrasando o resto da família.
Todo mundo adora aquela sensação gostosa de liberdade, de vida, que a gente sente quando vê o mar do alto da serra. E todo mundo fica feliz quando chega na praia num baita dia de sol (e fica p*** da vida quando chega junto com uma chuvinha.)
Todo mundo vai à farmácia pelo menos uma vez na cidade de praia. Seja pra comprar repelente (sempre tem alguém alérgico – ou fresco, mesmo), absorvente (sempre uma das mulheres fica menstruada), Cataflan (sempre tem alguém – geralmente o irmão mais novo - que fica com dor de ouvido), pomada pra queimadura (sempre tem – e sempre tem mais de um! – irresponsável que fica no sol sem se cuidar) ou antialérgico ( o bendito alérgico de novo...!). E todo mundo pensa: “essas coisas só acontecem comigo!!”.
Todo mundo fica com nojo do sabonete que sempre fica cheio de areia depois de uns 4 dias compartilhando o banheiro entre meia dúzia de pessoas.
Todo mundo vai passear na feirinha.
Todo mundo fica de saco cheio da praia num determinado ponto da viagem e quer voltar pra casa. E, quando volta, quer re-voltar pra praia.
Todo mundo pára naqueles postos de estrada pra comer um pão-de-queijo (e o posto ta lotado porque, novamente, todo mundo planejou sair cedo e ninguém conseguiu – é, a culpa é daquele irmão...).
Todo mundo fica feliz quando volta pra casa, porque todo mundo concorda: não há nada melhor do que a sua própria cama...!
Todo mundo volta pra casa e reclama de ter de acordar cedo quando as aulas começam. E o assunto entre todas as panelinhas será o mesmo: a praia. (E suas variações, como o garoto que está mais sarado porque se exercitou na praia ou a menina que era linda e tá um horror porque tá toda descascando).
Ah, claro, todo mundo descasca.

É, a vida de todos é igualmente maravilhosa. E todo mundo vai pra praia nas férias de verão.
(Até a bailarina - por incrível que pareça).

1 comment:

RicK !? said...

nha. gostei bastante desse. mas eu não sei... isso tudo seria bom ou ruim? ou independe? não faço idéia..