Wednesday, October 03, 2007

É samba que eles querem e nada mais (Homenagem ao samba)

Desde que o samba é samba, é assim: cantar manda a tristeza embora. Nos dias de feijoada completa, às vezes tudo o que se quer é morar no interior.
As pessoas andam tristes, e no meio de um planalto vazio - como se houvesse faca no ar - é imperativo dizer: chega de saudade.
Quanto a mim, eu vou fazer, ao meu jeito, eu vou fazer um samba sobre o infinito.

5 comments:

Sydão said...

Como o samba é bonito. Canta pra espantar a uruca, pra trazer a alegria até naquilo que não parece.
E ainda dizem que samba não presta... é pq nunca tiveram o privilégio de dar um breck!
Faz o samba pro infinito, e mostra pra levar pra eternidade...

louisp86 said...

Já que insiste, eu acredito. O Ney Matogrosso canta essa do título, né?

Stella Polaris said...

Canta, num CD bárbaro, do Ney com o Pedro Luís e a Parede.

A propósito, quem é você?

Edmundo said...

É o Edmundo, não consigo por de outro jeito. Tem várias bacanas nele.

Edmundo said...
This comment has been removed by the author.