Tuesday, December 14, 2010

bicicleta

a bicicleta é a brincadeira mais libertadora. claro, quando seguidas as regras de como deve ser. não pode ter aquelas rodinhas, aquilo é pior que ensaio. andar de bicicleta é mais que improviso. tudo bem, tudo bem, ninguém nasce sabendo improvisar. o improviso só é bom depois de corpo e alma em exato equilíbrio entre condicionamento e liberdade. e não é ensaio que proporciona isso, não: é mergulhar, se empantanar em experiência. e é por isso (eu sei) que tem muito adulto bicicletador por aí. mas não basta vontade, não. tem que abrir, rasgar o coração.

1 comment:

Mathias said...

Andar de bicicleta entre árvores floridas e gramados verdes, sem poder conter o riso, a exclamar "este meio de transporte é maravilhoso!!!"
hahahaha... boas lembranças esse seu post me trouxe...